Mercado Consumidor: um retrato na era digital

Fala galera, Henrique Carvalho por aqui com mais um vídeo para você, hoje sobre o mercado consumidor nessa era digital E até para falar sobre isso, eu estou com a camisa aqui ó, não sei se dá pra ver tão bem, do ratinho mais querido do mundo, do Mickey, comprada lá nos Estados Unidos visitando os parques da Disney que tem tudo a ver com esse vídeo de hoje sobre mercado consumidor na era digital

Bora lá! O mercado consumidor é formado por um conjunto de pessoas com uma, ou várias, necessidades, e que desejam encontrar a solução para elas Ao falar de empresas que atuam no mercado consumidor, estamos nos referindo àquelas que desejam vender diretamente para pessoas Ou seja, para o consumidor final, atuando no mercado também conhecido como B2C (Business to Consumer) Ao contrário do Marketing B2C, o marketing B2B, também um dos tipos de marketing, foca na relação entre empresas e como alcançar de forma mais efetiva os clientes empresariais No mercado B2B você precisa atingir compradores profissionais, muito mais céticos e bem informados

Os compradores das empresas já conhecem muito bem suas necessidades e já possuem ideias pré concebidas sobre o que desejam Não é o tipo de cliente que se deixa seduzir por uma boa copy com um argumento incrível de marketing ou um belo site, já que os benefícios do produto ou serviço são muito mais importantes para os clientes empresariais Ao contrário dos clientes do mercado B2C, que são muito influenciados por esses fatores e que podem tomar decisões baseados em suas emoções O processo B2C pode ser resolvido em minutos com apenas uma procura no Google por um produto e alguma olhada rápida em reviewsE esse consumidor pode virar um cliente fiel ou não

Comparado ao mercado B2B, o risco para o cliente é muito menor justamente por causa da quantias menores envolvidas Geralemente, há a possibilidade de devolução do dinheiro em caso de arrependimento ou insatisfação, o que torna o consumidor muito mais propenso a ser impulsivo Já a jornada de compra B2B é muito mais longa As negociações já começam com alto nível de conhecimento por parte do cliente, que espera que você dê ainda mais informações Se eles decidirem fazer a compra, é possível que se inicie um relacionamento de longa data

Por isso investir no marketing de relacionamento é ainda mais importante para quem quer atuar no mercado B2B, mas que não pode ser ignorado jamais por quem atua no B2C Conhecer essas diferenças básicas de atuação das empresas em cada mercado é o item mais básico, mas nem de longe suficiente para definir e entender o seu mercado consumidor As 7 Etapas do processo de escolha do mercado consumidor Vamos deixar claro que você precisa sim, segmentar o seu mercado Porém, nem toda e qualquer segmentação será necessária e fará sentido para o seu negócio Digamos que você possui uma loja de roupas de ginástica e vende somente através da internet

A partir desse cenário, podemos concluir que saber qual o posicionamento político de seus potenciais clientes não irá, de fato, fazer muita diferença para que você possa definir a estratégia de marketing do seu negócio, certo? Mas fazer a segmentação é apenas a primeira parte da criação de uma estratégia com foco em extrair o máximo do potencial do mercado consumidor Essas 6 etapas abaixo indicam o caminho que pequenos negócios precisam seguir para ganhar destaque no mercado: 1Segmentação baseada nas necessidades: agrupe os clientes de acordo com a semelhança de suas necessidades e nos benefícios que buscam para resolver esses problemas 2Identificação do segmento: para cada segmento baseado nas necessidades, determine características demográficas, psicográficas e comportamento

3Atratividade do segmento: para fazer uma avaliação correta, use critérios como crescimento de mercado, intensidade competitiva e acesso ao mercado para determinar o grau de atratividade Coloque em prática a matriz BCG e a análise SWOT 4Posicionamento do segmento: para cada segmento que você escolher atuar, crie uma proposta de valor única e uma estratégia de posicionamento com base nas necessidades de seus clientes

5Estratégia de mix de marketing: expanda a estratégia se posicionamento do mercado consumidor alvo a fim de incluir todos os aspectos do mix de marketing, seja os 4Cs (versão mais atualizada dos 4Ps de Marketing) ou os 7Ps, no caso de Marketing de Serviços 6Faça o planejamento de toda a sua estratégia de Marketing Digital e aposte no Marketing de Conteúdo para divulgar seus produtos e serviços 7

Mantenha-se sempre atualizado(a) sobre as tendências do mercado consumidor e acompanhe principalmente as mudanças de comportamento do consumidor, já que essa dinâmica muda continuamente na era digital Retrato do Mercado Consumidor na era digital (IMAGEM) No livro Marketing 40, Philip Kotler, atualiza alguns conceitos tradicionais para a era digital para que empresas e profissionais da área de marketing criem estratégias condizentes com o atual cenário Obviamente que, todas as mudanças tecnológicas dos últimos anos estão impactando o comportamento do mercado consumidor, o que afeta diretamente a forma como as marcas vão dialogar com seus clientes Talvez a maior mudança promovida pela revolução digital seja a transferência de poder, que sai da mão das empresas, grandes ou pequenas e vai para a mão do consumidor altamente conectado

O cliente atual nunca deu tanta importância à suas relações e à opinião de pessoas com as quais possui algum vínculo social, mesmo que apenas virtualmente, na hora de comprar um produto ou contratar um serviço De indivíduos a grupos sociais Consumidores cada vez mais se importam com a opinião de outros, bem como dividem as suas, em reviews e nas redes sociais Juntos, criam a própria imagem de uma empresa ou marca, que pode, ou não, ser muito diferente daquela desejada pelas companhias A maioria das decisões de compra são sociais O mercado consumidor não é mais uma massa passiva diante da comunicação de marcas

Ao contrário, as mensagens de produtos e serviços que visam apenas vender ou falar bem de uma marca, não geram interesse Inclusive, podem levar até mesmo à sensação de descrença e desconfiança, afinal, é claro que uma empresa vai falar bem de seus próprios produtos, já que possui interesse nisso Consumidor Informado x Consumidor Distraído O novo consumidor é de classe média, urbano, deseja melhorar seu poder de consumo, muda com frequência, se comunica bastante e vive de maneira acelerada Tudo precisa ser instantâneo e tomar pouco tempo Quando interessados em coisas que assistem na TV, procuram por mais informações no celular

Se estão decidindo comprar algo na loja, pesquisam por informações sobre preço e qualidade na internet Fazem uma decisão de compra a qualquer hora e em qualquer lugar Apesar do seu alto grau de conhecimento, os consumidores não estão no controle sobre o que desejam comprar, já que são influenciados por 3 fatores durante o processo de compra: Comunicação de marketing nas mais diversas mídias; Opinião de amigos e familiares; Conhecimento e experiência pessoal a respeito da marca A falta de tempo aliada ao excesso de informação, está deixando o consumidor cada vez mais distraído e dependente da opinião dos outros, podendo, em alguns casos, ultrapassar o seu próprio julgamento pessoal sobre uma marca ou empresa A influência das subculturas digitais O ambiente digital está fortalecendo o surgimento de 3 subculturas muito fortes e altamente lucrativas: Jovens; Mulheres; Usuários da internet

Os jovens ditam tendências para os mais velhos na área de moda, música, cinema, esportes, alimentação e tecnologia, simplesmente porque dispõem de mais tempo para acompanhar as mudanças constantes nesses mercados Com relação às mulheres, são elas que, na maior parte dos países, gerenciam as finanças da família, sendo responsáveis por escolher quais marcas, produtos e serviços irão comprar, já que, geralmente, possuem mais paciência para pesquisar as melhores opções disponíveis no mercado Os usuários da internet ou internautas, expressam livremente suas opiniões sobre produtos e marcas, e, muitas vezes, de forma anônima Eles criam rankings, comentam e até criam conteúdo que tendem a chamar a atenção de outros internautas Nenhum desses 3 segmentos pode ser impressionado facilmente, porém caso a empresa seja bem sucedida na tarefa, eles podem vir a ser os maiores advogados da sua marca

Eles contam histórias autênticas do ponto de vista do cliente, algo que nenhuma empresa jamais conseguirá substituir Muitas vezes possuem grande influência na internet, com uma base grande de seguidores e fãs Entender a dinâmica do mercado consumidor, como ele se divide, como cada aspecto e característica desses grupos influencia seu comportamento, quem são os grandes tomadores de decisão de compra na atualidade, irá fazer com que você desenvolva ofertas mais interessantes e certeiras fazendo algo muito simples, mas poderoso: conhecendo o lado humano do seu consumidor Muito bem galera, esse foi o novo vídeo aqui sobre o mercado consumidor Espero que você tenha curtido esse tipo de conteúdo, que não tenha sido um clichê por esse termo, mercado consumidor, ah o que é isso, como eu posso aplicar no meu negócio

A gente sempre procura trazer conceitos importantes mas que você possa aplicar no campo de batalha, ou seja, na ação, não necessariamente tudo tem que ser um campo de batalha, mas você pode aplicar na prática esse tipo de conteúdo Se você curtiu ele, dá o seu joinha para a gente saber que foi interessante para você, se inscreve no canal, clica nesse botão abaixo, clica nele, clica nele, de novo, clica nele se você não estiver inscrito ainda, é fundamental para que você receba novos vídeos, segunda, quarta e sexta sobre marketing digital nos nossos vídeos aqui produzidos , com carinho, para você, aqui da Viver de Blog Dito isso, eu vou ficando por aqui então, um grande abraço galera, até a próxima, tchau, tchau

Source: Youtube

Comments are closed, but trackbacks and pingbacks are open.